PAMONHA A LA FANTAZZINI

David Fantazzini: "Se eu não estiver na igreja, acabo ficando oco
e não tenho o que ministrar às pessoas."

Há algumas semanas estive, pela primeira vez, com David Fantazzini. Aquele mesmo que participou do "Fama", na Rede Globo e agora prossegue utilizando seu talento a serviço do Reino de Deus.

O cara é Show! Como diria um amigo meu: ele é "crentão". Fiquei impressionado com a simplicidade do rapaz que, cá entre nós, canta e toca "pracaramba".

Passamos algumas horas juntos conversando, cantando e comendo pamonha na casa de uns amigos (Pedro e Vanessa). Mas o que mais me deixou impressionado aquela noite foram algumas coisas que ouvi do David.

Fantazzini disse que, geralmente, não fica mais que três dias fora de casa, que toca sax no ministério de louvor da igreja (Bola de Neve) e que ainda participa de grupos nos lares, além de ser assíduo em um curso para líderes. "Se não for assim, acabo ficando oco e não vou ter o que repartir com as pessoas", explicou o cantor.

Um ótimo exemplo de quem já conheceu bem de perto a fama (desculpem o trocadilho). Também serve como um alerta a alguns ministros que insistem em ter uma caminhada exageradamente itinerante e sem cobertura espiritual.

Grande abraço para meu mais novo amigo, David Fantazzini...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...