ANA PAULA FALA SOBRE CRÍTICAS DE JOÃO ALEXANDRE

Ana Paula Valadão falou, em entrevista veiculada pelo blog Geração Diante do Trono, sobre as possíveis críticas feitas a seu ministério, por parte do veterano João Alexandre.

Em 2007, o cantor gravou um álbum chamado “É Proibido Pensar”. O hit, que dá nome ao CD, metralha críticas não muito sutis a vários ministérios da atualidade, entre eles o DT. A referência ao grupo liderado por Ana Paula acontece quando o compositor, em uma das frases, faz um trocadilho, dizendo: “distantes do trono”.

Confira a música de João Alexandre, em clipe NÃO OFICIAL editado por um internauta:




Veja, abaixo, o que a pastora da Igreja Batista da Lagoinha diz a respeito das supostas críticas de João Alexandre:

(Geração DT): Recentemente o João Alexandre lançou uma música intitulada "É Proibido Pensar" na qual critica ironicamente vários movimentos cristãos contemporâneos, inclusive o seu ministério. Como você encara esse tipo de resposta negativa ao que você prega?

Pra. Ana Paula: Eu realmente não tinha conhecimento disso, realmente se essa é a letra da música que você está lendo, "distante do trono" parece que é uma alusão ao nome do Diante do Trono. O que eu posso dizer é que eu sinto muito, porque eu admiro o João Alexandre, gosto demais das músicas dele. Eu não o conheço, não posso chamá-lo de amigo porque não convivo com ele, mas já me encontrei com ele algumas vezes e sempre tive uma admiração muito grande por ele. O que eu posso dizer é que o Corpo de Cristo é diverso, o pé não é igual a mão, o nariz não é igual a boca, o olho não é igual o ouvido, e infelizmente as vezes é difícil a gente admirar o que é diferente da gente: se ele não está conseguindo admirar o dom de Deus que está em mim eu não posso fazer nada a não ser orar por ele, mas eu continuo admirando ele, continuo admirando o dom de Deus que está nele. Se ele têm visto falhas em nós eu quero aprender, e espero ter a oportunidade de um dia conversar com ele sobre isso, mas isso não vai mudar a admiração que eu tenho pelo dom dele, pela poesia, pela voz profética que ele é. Em muitas canções ele fala sobre política, sobre a realidade do Brasil, e isso eu vou continuar admirando.


É muito triste perceber que alguém, anteriormente, tão usado por Deus como voz profética nesta nação, como João Alexandre, se deixe engodar de maneira tão óbvia pelo despeito. A perda da evidência parece mesmo incomodar o talentoso cantor.
Contudo, João não parece estar muito preocupado com que função teria no corpo de Cristo. Aliás, vale ressaltar que o próprio não se considera “evangélico”. Veja, a seguir, uma entrevista dada pelo referido irmão a uma rádio CATÓLICA. É impossível não notar o tom de escárnio do programa, tanto por parte dos entrevistadores, quanto do próprio JA...





Será que João Alexandre perdeu a aula, na escolinha da igreja, quando a tia ensinou que se conhece a árvore é pelos seus frutos? Falar mal, sobretudo, de um ministério tão comprometido com o Reino quanto o Diante do Trono me parece suicídio espiritual.

Difamar ministérios frutíferos pode parecer bem coerente quando já não se sabe diferenciar aquilo que é santo do que é profano. João Alexandre parece ter perdido o discernimento do Espírito, se é que já o teve algum dia.

Entretanto, não é de se estranhar que o cantor se dê à prática da “critiquice” gratuita. Afinal, de uma mesma fonte não podem sair águas doces e amargas. Veja, para encerrar, que tipo de “louvores” João Alexandre entoa em uma programação chamada Projeto Redenção, realizada na Igreja Presbiteriana da Saúde, em São Paulo/SP:


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...